quarta-feira, 5 de agosto de 2009

HAI-KAIS, de Eunice Arruda







Árvore cortada
No tronco tão machucado
-O verde brotando.


Malas nas mãos.
Nos olhos tantas lágrimas.
Casa inundada.


Foi tão rica a safra!
Até os arrozais se curvam
Em reverência.


Estrela de inverno
Embora distante e fraca
Procura brilhar.



(Lua na janela)



(Ilustração: André Muller)




Nenhum comentário:

Postar um comentário