segunda-feira, 11 de abril de 2016

PROVERBIOS Y CANTARES - XXV / PROVÉRBIOS E CANTARES, XXV, de Antonio Machado





Hay dos modos de conciencia:
una es luz, y otra paciencia.
Una estriba en alumbrar
un poquito el hondo mar;
otra, en hacer penitencia
con caña o red, y esperar
el pez, como pescador.
Dime tú: ¿Cuáles mejor?
¿Conciencia de visionario
que mira en el hondo acuario
peces vivos,
fugitivos,
que no se pueden pescar,
o esta maldita faena
de ir arrojando a la arena,
muertos, los peces del mar?


Tradução de Fábio Malavoglia:


Há dois modos de consciência:
Uma é luz, a outra paciência.
Uma teima a iluminar
Um pouco do fundo mar;
outra em fazer penitência
Com vara ou rede, e esperar
o peixe, qual pescador.
Diz-me tu: qual é melhor?
Consciência de visionário
que olha no fundo aquário
peixes vivos,
fugitivos,
que não se podem pescar,
ou a tarefa maldita e feia
de ir jogando na areia
mortos, os peixes do mar?




(Ilustração: Johnny Palacios Hidalgo)



Nenhum comentário:

Postar um comentário